Até nunca mais, Edinho

Ficha de Edson Nogueira no TSE - 15/07/2008 às 15h26

por Inácio França (com pesquisa e colaboração de Anizio Silva, Gerrá Lima e outros; publicação simultânea com o Blog do Santinha)

Desde o meio da semana passada, trocávamos e-mails sobre a possível candidatura do presidente do Santa Cruz à vereador. Como a lista ainda não estava disponível nos sites oficiais do TRE e do TSE, decidimos esperar e especular.

No ano passado, muita se falava que ele planejava lançar a candidatura, que estava montando comitês em algumas comunidades e essas coisas que se fala sem ter certeza de nada.

Por trás de tudo, o apoio da deputada estadual Terezinha Nunes, do PSDB.

Eu, inclusive, cheguei a escrever que se candidatar era um direito de qualquer cidadão, mas o que ele não poderia ter feito era subordinar todas as decisões relativas ao destino do clube aos seus interesses políticos imediatos.

Com o fracasso de sua gestão, imaginava que seus delírios políticos tinham ido pro beleléu. Ontem, o TSE disponibilizou a lista dos candidatos aptos a disputar a eleição de outubro (confira a relação de registros de candidaturas no site do TSE). E o nome do senhor Edson Domingues Nogueira está lá, com declaração de bens e tudo mais que tem direito.

Assim, ficamos sabendo que Edinho tem uma casa em Olinda, avaliada em R$ 100 mil e uma S-10 no valor de R$ 40 mil. Mas isso é o que menos importa.

O que importa é que ele teve cara-de-pau (ou coragem, ou insanidade) suficiente para se lançar candidato.

Mais um erro de Edinho. Para nossa sorte, esse erro terá merecidas conseqüências negativas apenas para ele, não para o clube.

Acontece que o artigo 83 do novo estatuto (ou artigo 84 do estatuto anterior) não deixa dúvidas:

ARTIGO 83 – O Presidente do Executivo estará automaticamente destituído do cargo na hipótese de, não exercendo atividade político-partidária, vir a registrar candidatura a cargo eletivo para o Poder Legislativo ou para o Poder Executivo.

PARÁGRAFO 1º – Aplica-se o princípio estabelecido no “caput” deste artigo ao Presidente do Conselho Deliberativo, aos Presidentes das Comissões Patrimoniais e Fiscais, aos Diretores, assessores e funcionários

PARÁGRAFO 2º – Será passível de exclusão dos quadros sociais aquele que se utilizar da imagem, da marca, dos símbolos e dos hinos do Clube em campanhas políticas.

Não conheço qual o próximo procedimento para oficializar a destituição e providenciar a sucessão para Fred Arruda, mas tenho certeza que, agora, o presidente do Conselho Deliberativo e cão-de-guarda de Edinho não pode mais se omitir.

Adeus, Edinho. Não sentiremos saudades!

9 Comentários

  1. Arnildo Ananias de Oliveira
    1

    E se depender de mim e de minha progaganda político-eleitoral ele não se elege nem guarda do apito.

    DEUS COMEÇOU A NOS AJUDAR!

  2. A situação está definida. O presidente terá de ser afastado. Mas a justiça é criativa quando quer e pode inventar diversas interpretações. Por exemplo: tem gente não muito animado com a notícia, sustentanto que ele pode retirar sua candidatura. Sua desistência não apaga o fato (a candidatura), que o desqualifica para o posto que assume.
    A tarefa de Fred Arruda será duríssima.

  3. Comentário de Fred Arruda no Blog do Santinha:

    Vamos ter calma. Tenho acompanhado tudo isso desde a ultima sexta-feira, afinal de contas sou parte afetada nisso tudo. Não temos a certeza que o registro da candidatura de Edinho ao legislativo foi efetuado. Até onde sabemos, existe um requerimento para tal, apenas isso por enquanto.

    Caso a tal candidatura seja efetivamente confirmada, estou pronto para cumprir o que determina o estatuto do clube, que é assumir a presidência e convocar, no âmbito do Conselho, eleições para a substituição de Edinho.

    Mas que fique claro que a minha luta pra destituí-lo encerrou-se em maio. Se tiver que assumir o clube agora, farei com a mesma determinação, coragem e comprometimento. Porém, farei por imposição do estatuto.

    Que não me seja imputado por Edinho qualquer trabalho de bastidores para derrubá-lo. Temos tentado deixar Edinho trabalhar em paz pra conduzir o clube de volta a serie B, tarefa árdua e que tem nos deixado apreensivos.

    Agora a pergunta que não quer calar: por que isso tudo agora, no meio da serie C? Se sabia que seria candidato, deveria ter saído em maio.

  4. Geraldo Tricolor da Iputinga
    4

    Eu não acredito no que acabo de ler. Deu uma vontade muito grande de sair correndo e comprar uma duzia de fogos pra quando isso for oficializado.
    Enfim, uma notícia pra lá de boa.

  5. Tricolor de Sempre
    5

    Fito foi o que mais durou das últimas temporadas

    Durou exatamente cinco meses a quarta passagem do técnico Fito Neves pelo Santa Cruz. Computando-se as temporadas de 2007 e 2008, esse é maior período que um treinador fica no Arruda. No ano passado, Charles Muniz permaneceu no comando por quatro meses, enquanto Mauro Fernandes chegou perto dessa marca e Givanildo e Zé do Carmo, esse em 2008, não resistiram dois meses.

    No comando desde fevereiro, Fito esteve à frente da equipe 18 vezes, entre Campeonato Pernambucano, Brasileiro, Copa do Brasil e um amistoso, conquistando sete vitórias, sete empates e quatro derrotas.

    Com ele, o clube ainda levou a Copa Pernambuco, que ajudou o Santa a se preparar para a Série C. Ao todo, Fito teve um aproveitamento de 51,85 por cento. Com ele, o time marcou 32 gols e sofreu 27.

    lembrando que ele chegou no fim do primeiro turno do Pernambucano com a missão de classificar o Santa ao “hexagonal da vida”, objetivo não alcançado. No “hexagonal da morte”, o treinador se viu obrigado a utilizar os jogadores pratas da casa após as saídas de alguns jogadores como o volante Carlinhos Paraíba, o atacante Rafael Rebelo, entre outros – a diretoria não contratatou ninguém, exceto o protegido de Fito, Rafael Mineiro, logo alçado ao time titular. Com a garotada, o Mais Querido escapou do rebaixamento com relativa facilidade e fechou o hexagonal na primeira colocação.

    Com um hiato de dois meses e meio entre o Estadual e a Série C, Fito deixou um pouco de lado a função de técnico e passou a trabalhar no sentido de facilitar a vinda de jogadores de sua preferência.

    Em três jogos na Série C, após a chegada de alguns dos nomes requisitados por ele, o resultado não foi o esperado e o treinador deixa o Santa na terceira colocação do Grupo 5, posição que hoje eliminaria o tricolor na primeira fase da competição. Tá vendo, deixou de lado alguns bons prata da casa como Miller e Memo…

    Nessa passagem pelo Arruda, Fito Neves deixou de comandar o tricolor à beira do gramado em seis oportunidades por conta de uma suspensão de 30 dias, imposta pelo STJD, após ter supostamente ofendido o árbitro da partida contra o Fast/ AM, pela Copa do Brasil.

    Antes de 2008, ele havia trabalhado no Santa em 1995, quando ganhou o título estadual, em 1997 e 2006.

  6. Fábio Belmino
    6

    Não acredito que esse presidentezinho perdedor sairá da presidência.

    CAMPANHA:

    boicote a todos os candidatos(as) do partidozinho deste nojento, pois um partido que tem em seu quadro um ser tão maléfico quanto o presidentezinho perdedor e Aderval Barros não merece respeito nem credibilidade, muito menos votos.
    A deputada terezinha nunes é a maior aliada deste perdedor.

  7. Que pena um clube com a tradição do Santa Cruz está sendo um saco de pancadas na última divisão. Tudo isso é culpa dos seus dirigentes que contrataram o que pior existia no futebol nordestino, além do incompetente Fito Neves, vieram um caminhão de pernas de paus do time do Treze, que no pior campeonato do país, que é o paraibano, ficou na 5ª colocação em números de pontos. Agora é tarde demais e para o ano de 2009, tem a 4ª divisão, série-D. Não entendo o futebol pernambucano tendo um ótimo treinador como Givanildo Oliveira, contrata Fito Neves.

  8. Janilton Oliveira
    8

    Se o mar secar… é possivel que Edinho saia, mas como o mar não vai nem mesmo diminuir, percamos as esperanças de dias melhores para as Republicas Independents do Arruda!

  9. Luiz Gondim
    9

    Ninguém mais do que eu deseja a saída do Sr. Edinho da presidência do Santa Cruz. Ele não é tricolor autêntico. Se ele amasse o Santa Cruz deveria ter renunciado.

Regras de moderação do Torcedor Coral
O Torcedor Coral não se responsabiliza pelas opiniões de seus leitores, mas se reserva ao direitor de excluir, sem aviso prévio, os comentários que:
1. Façam acusações sem provas;
2. Configurem qualquer tipo de crime, de acordo com as leis do país;
3. Contenham ofensas pessoais a quem quer que seja, mesmo que o ofendido seja reconhecidamente um canalha;
4. Defendam ou enalteçam o LEF, pois nós somos liberais, mas nem tanto assim;
5. Utilizem e-mails falsos ou inexistentes;
6. Tenham características de chat ou bate-papo;
7. Copiem textos publicados em outros espaços virtuais, ao invés de publicarem os links das matérias originais.
8. Publiquem sistematicamente os mesmos comentários, repetições de ideias ou opiniões;
9. Publiquem comentários com prevalência em caixa alta, que é o mesmo que gritar na internet;
10. Manifestem intolerância à liberdade de opinião;
11. Tenham características de perseguição a outros leitores;
12. Manifestem, implícita ou explicitamente, mensagens eleitorais, tanto de candidatos a cargos no clube, quanto de partidos políticos;
13. Contenham mensagens abusivas, desagradáveis, ostensivas, cansativas e que não se utilizem de bom senso.

Algumas palavras estão programadas para cair automaticamente na moderação de modo a facilitar o cumprimento das regras. Assim, seu comentário será liberado o mais rápido possível, se for constatado que não houve violação.

O sistema anti-spam do Torcedor Coral, utilizado para evitar malwares ou vírus, ocasionalmente poderá reter indevidamente um comentário legítimo. Também poderão ser retidos indevidamente os comentários que contenham dois ou mais links, pois são através deles que ocorrem ataques ao blog. Tão logo esses casos sejam identificados, os comentários serão liberados.

Lembre-se, o trabalho no Torcedor Coral é realizado de forma voluntária por cada um dos editores, cronistas, moderadores e colaboradores, já que todos atuam profissionalmente em outras áreas. Dessa forma, tenha paciência, caso seu comentário não seja liberado imediatamente.

Para comentar regularmente, o autor deve ter um comentário aprovado anteriormente no Torcedor Coral.

Os casos omissos serão definidos pelos editores do blog.

Responder

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *