Começando Novamente

Foto: Coralnet
coralnet.jpg

A virada de ano tem um poder único: O de renovar as esperanças. Promessas são feitas (e refeitas), compromissos são assumidos, planos são traçados, parece que tudo começa novamente. E começa mesmo. Só que não começa do zero. O ano se inicia com tudo com o que se fez de bom ou ruim nos anos interiores. Essa bagagem vem no pacote. Quer queira ou não queira.

Com o nosso clube acontece o mesmo. Iniciamos o ano com uma carga negativa, de tudo que foi feito de errado nos anos anteriores. Eu diria que esse ano, além da carga negativa, temos uma carga amarga, fruto da decepção com o diminutivo à frente do clube. E tudo isso se reflete na atual temporada. Aliás, o filme desse início de temporada eu já assisti em algum lugar… Contratamos um caminhão de jogadores desconhecidos, ao que parece, sem qualquer critério de avaliação. Ninguém venha me dizer que observaram ou pediram referências de um cara que joga na república Tcheca! Nós não conseguimos observar nem os talentos que despontam na região, quem dirá um jogador no Leste Europeu… E quem está contratando? Não vi/ouvi ninguém assumir o ônus dessas contratações. Parece que o Diminutivo não vai colocar o dele na reta no futebol nesse início de temporada. O problema é que parece que a RR Sports também não…

O treinador é um capítulo à parte. Se fosse preciso só lábia para ser um vencedor, o nosso seria campeão mundial. Zé foi um craque de bola. Um dos melhores que eu pude ver vestindo o manto coral. Mas é público e notório que ele ainda não conseguiu transferir toda a qualidade e categoria que tinha dentro de campo para o comando de uma equipe. Nunca fez uma boa campanha em lugar nenhum. Nunca venceu nada como treinador. Uma aposta arriscadíssima para um clube que não pode mais errar. Estamos apostando num elenco desconhecido, num treinador inexperiente, com uma diretoria incompetente. É o caos?

A nossa “sorte” é que o futebol não é uma ciência exata. São vários fatores envolvidos, que podem levar ao sucesso ou ao fracasso. E até os mais poderosos estão sujeitos ao acaso. É óbvio que um bom planejamento, reduz muito a possibilidade de surpresas, mas no futebol Pernambucano, essa palavra é quase que desconhecida. Então, porque não podemos renovar as esperanças, à espera de uma boa campanha, de um time coeso, de um treinador inteligente e de uma diretoria competente e aberta ao diálogo?

Renovemos nossas esperanças, sem deixarmos de acreditar nas nossas convicções, não nos “vendendo” apenas pelos resultados dentro de campo, e cobrando sempre um Santa Cruz forte, organizado e planejado para crescer cada vez mais!

11 Comentários

  1. Fabiano Pinheiro
    1

    Esse time é ainda uma interrogação. Me preocupa Zé do Carmo no comando, embora reconheça sua qualidade enquanto liderança dos jogadores. De positivo vejo a participação de Ricardo Rocha, por ser querido e respeitado. Os dois estão adicionando uma carga de responsabilidade e vontade aos jogadores. Não sabemos muito ainda da qualidade, principalmente na marcação, mas tenho certeza que será um time com muita garra.
    Vou torcer muito por esse time, sem jamais ter a consciência da necessidade de elegermos no fim do ano uma chapa comprometida com um modelo diferente de gestão, moderno e participativo.

  2. Leo,

    Excelente texto. E concordo com Fabiano: esse time é uma interrogação e me preocupo também com Zé do Carmo (como se não bastasse se preocupar com o diminutivo).

    Além do mais, engrosso o coro, temos que ter a consciência de elegermos no fim do ano uma chapa comprometida com um modelo mais profissional e transparente de gestão.

    Fabiano começou o ano com gosto de gás.

    Saudações corais,

    Dimas Lins

  3. Fábio Montarroyos
    3

    Leonardo.

    O que mais me preocupa neste clube, é que nosso time está parecendo cabide de emprego. O que é que Charles Muniz ainda faz no Santa Cruz? O cara foi coordenador das divisões de base, depois passou a ser técnico de profissionais ( intocável ), agora passa a ser preparador físico dos profissionais. O cara quer ser tudo e não é nada. Desse jeito, fica muito difícil acreditar em sucesso. Fora Edson Nogueira.

  4. insatisfeito
    4

    Eu tenho uma esperança nesse time. Não que ele seja um time dos sonhos ou uma maravilha. Não que ele vá ganhar o Pernambucano, nem me iludo que estejamos prontos para a série C. Mas, ao ver os treinamentos, pude constatar que Zé do Carmo tá fazendo o trabalho correto. E conversei com ele, pedindo o time que precisamos para esse ano. Um time Copeiro. o primeiro turno nos dará, no máximo 18 pontos. O segundo, 30. Com grupos de quatro, a gente lembra a fórmula da Copa do Mundo. Torneios como esse, não precisam de um time com estrelas e sim um time pegador. Comprometido. Nesse ponto, acho eu que Zé do Carmo vai cumprir a promessa que fez. Espero ver, pela primeira vez, o Santa Cruz ir bem numa Copa do Brasil, que burramente, os dirigentes a desprezam. É o caminho para nós, menos afortunados com recursos do C(l)ube dos treze, e, principalmente, quero o título da série C. O Santa Cruz tem o dever de ser CAMPEÃO dessa série. Brigando com Paysandu, Remo e Guarani pelo título. Nós temos que pensar em entrar nesse campeonato para sermos campeões.
    são três copas. Pedi um Santa Cruz à gaúcha. Saudações santacruzenses, porque tricolor até a cachorra de peruca é. Coral o Ferrim do Ceará também é.

  5. Manequinha
    5

    Isso léo.

    Só nos resta torcer e esperar. Como vc disse, acho que com as palavras pelo menos Zé do Carmo tem se mostrado muito bom.

    Vamos torcer.

  6. insatisfeito
    6

    Fabiano, isso é fato. Vamos cobrar a lista de sócios até o final do mês. Está no Estatuto
    também temos que cobrar o registro de Estatuto para que as próximas eleições do Santa Cruz sejam o mais limpas possível. Ah, vamos pleitear urna eletrônica nessa eleição. Habilita-se pelo número da carteira de sócio. É só oficiar o TRE e marcar a data das eleições. Reivindiquemos, também, que elas sejam feitas em um fim de semana, para que todos possamos ir ao clube a fim de votar.
    saudações santacruzenses. Tricolor, até a cachorra de peruca é. Coral o Ferrim do Ceará também é.

  7. J. Antonio
    7

    Pelo fracasso que foi o Santa Cruz nas 3 competições
    em 2007 acho que este ano será diferente as palavras
    de Zé do Carmo e Ricardo Rocha estão me deixando bastante animado a partir de domingo teremos uma
    ideia de como será o time em 2008.
    Fabiano e Insatisfeito estão corretissimos temos que
    já começar articulando nomes não sei se na oposição
    se é que existe oposição porque é igual a cachorro quando corre atrás do carro quando o mesmo pára ele
    fica com cara de otário sem saber o que fazer.
    Leonardo parabéns pelo texto.

    Um abraço a todos os torcedores do nosso Santa Cruz

  8. Almir Xavier da Silva
    8

    Acho que começamos o ano igual ao ano passado, contratando um caminhão de desconhecidos e lá para o meio do ano o time com 90% dispensado e mais um caminhão para o 2º semestre.

    Acho que é o Zé tá tendo a chance da vida dele… Ele prometeu um time guerreiro e tenho certeza que se os jogadores incorporarem esse espírito aguerrido, as coisas irão mudar para melhor dentro de campo.

    Um cidadão coral aí em cima disse que quer ver um Santa Cruz à gaúcha, pois eu quero ver um Santa Cruz à nordestina… Porque garra por garra eu prefiro a garra nordestina…

  9. insatisfeito
    9

    Almir, fui eu o autor do comentário. Jogar à gaúcha é o seguinte: com garra, sem se importar em jogar bonito e conseguindo os resultados, como os times de Felipão conseguem. Esse é o estilo dos gaúchos e dos hermanos jogarem. Peço isso, pois sei da diferença qualitativa que nosso plantel terá em relação aos da coisa e da barbie.
    saudações santacruzenses. Tricolor até a cachorra de peruca é. Coral o Ferrim cearense também é.

  10. por mais que eu tente não consigo ter otimismo com zé do carmo. um torcedor aí de cima pede para jogarmos igual aos sulistas. não consigo imaginar nildo, rosembrick, genalvo, josemar, russo e outros, jogando com esse perfil.
    e essa diretoria? é tão ruim qto a passada.

  11. Paulo Aguiar
    11

    Léo, Muito bom.
    Seu texto foi CRUel… mas verdadeiro !!!
    O nosso alívio é que somos OTIMISTAS.. e quem sabe, a fé pode remover montanhas !!
    abraços

Regras de moderação do Torcedor Coral
O Torcedor Coral não se responsabiliza pelas opiniões de seus leitores, mas se reserva ao direitor de excluir, sem aviso prévio, os comentários que:
1. Façam acusações sem provas;
2. Configurem qualquer tipo de crime, de acordo com as leis do país;
3. Contenham ofensas pessoais a quem quer que seja, mesmo que o ofendido seja reconhecidamente um canalha;
4. Defendam ou enalteçam o LEF, pois nós somos liberais, mas nem tanto assim;
5. Utilizem e-mails falsos ou inexistentes;
6. Tenham características de chat ou bate-papo;
7. Copiem textos publicados em outros espaços virtuais, ao invés de publicarem os links das matérias originais.
8. Publiquem sistematicamente os mesmos comentários, repetições de ideias ou opiniões;
9. Publiquem comentários com prevalência em caixa alta, que é o mesmo que gritar na internet;
10. Manifestem intolerância à liberdade de opinião;
11. Tenham características de perseguição a outros leitores;
12. Manifestem, implícita ou explicitamente, mensagens eleitorais, tanto de candidatos a cargos no clube, quanto de partidos políticos;
13. Contenham mensagens abusivas, desagradáveis, ostensivas, cansativas e que não se utilizem de bom senso.

Algumas palavras estão programadas para cair automaticamente na moderação de modo a facilitar o cumprimento das regras. Assim, seu comentário será liberado o mais rápido possível, se for constatado que não houve violação.

O sistema anti-spam do Torcedor Coral, utilizado para evitar malwares ou vírus, ocasionalmente poderá reter indevidamente um comentário legítimo. Também poderão ser retidos indevidamente os comentários que contenham dois ou mais links, pois são através deles que ocorrem ataques ao blog. Tão logo esses casos sejam identificados, os comentários serão liberados.

Lembre-se, o trabalho no Torcedor Coral é realizado de forma voluntária por cada um dos editores, cronistas, moderadores e colaboradores, já que todos atuam profissionalmente em outras áreas. Dessa forma, tenha paciência, caso seu comentário não seja liberado imediatamente.

Para comentar regularmente, o autor deve ter um comentário aprovado anteriormente no Torcedor Coral.

Os casos omissos serão definidos pelos editores do blog.

Responder

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *