Série B: largada com vitória

#ForçaVitor

#ForçaVitor  #ForçaVitor #ForçaVitor #ForçaVitor

 

O Santa Cruz estreou fora de casa contra o Criciúma e venceu por 2 x 1.

A vitória veio de virada, após um primeiro tempo horrível e um sufoco que levamos no segundo tempo.

Em resumo, a vitória se resumiu ao sistema defensivo dos dois times. Explico:  1. o zagueiro do Criciúma deu uma furada incrível permitindo que o Santa Cruz empatasse o jogo no seu primeiro chute a gol do jogo (isso já no segundo tempo). Gol de Vítor! 2. O zagueiro Anderson Salles conseguiu salvar um gol certo do adversário, tirando uma bola em cima da linha no meio do segundo tempo, justamente no momento de maior pressão do adversário.

O resto foi o jogo de um time só, o Criciúma. Mas, no final, após um contra-ataque bem sucedido e mal finalizado por André Luiz, o Santa teve uma outra oportunidade, desta feita com Barbio. O cabeludo atacante coral fechou o olho e soltou uma bomba virando o jogo para o Santa Cruz.

Uma vitória importantíssima! Fora de casa, de virada! Contra um adversário difícil. E, ainda mais, jogando um futebol fraco. Não tem como não agradecer!

Sobre o nosso futebol, já coloquei a culpa em Eutrópio, já coloquei a culpa nas contratações. Enfim, já tentei apontar vários motivos para esse futebol bisonho. Tão bisonho que nos fez ser eliminados de forma humilhante nas duas competições que já disputamos até aqui. O fato é que com esse futebol jogado e com a qualidade do nosso plantel atual, vamos nos limitar a manutenção na série B. Sem dúvida, virão (e terão que vir) contratações. Tirando o Internacional-RS, existem três vagas em aberto. Melhorando o nosso plantel, é possível lutar por uma delas.  Caso contrário, é apenas mais um delírio em vão.

A lamentar a  contusão do nosso jogador mais regular da temporada e capitão do time: Vítor. A cena da contusão doeu nos olhos de quem assistiu. Certamente, pelo poder de entrega de Vítor nos jogos, o lateral coral voltará mais forte ainda! #ForçaVitor.

Sobre o Clube, a dois fatos vergonhosos: 1. o investimento de R$ 100 mil (segundo a imprensa) na construção de um estúdio, quando a própria Comissão Patrimonial pede ajuda dos torcedores para a construção do Centro de Treinamento (CT). Certamente faltará o dinheiro para essa grande obra (CT), e, apesar de a arrecadação ter sido feita através de doação, a construção de um estúdio de comunicação deveria estar longe de ser prioridade. Fica difícil convocar a torcida para ajudar, quando se percebe que o gestor tem outras prioridades; 2. Por falar em gestão, nos últimos 10 meses, os funcionários do Santa Cruz (digo, do executivo) só receberam 3 meses de salário. Esse é o retrato mais cruel da péssima gestão que prometeu salários em dia, ampliação do Arruda, CT em 6 meses… Fico pensando no que é necessário acontecer para que o Conselho Deliberativo possa intervir nesse caos administrativo.

Vamos a agenda coral:

  1. Terça-feira tem o jogo da classificação para a pré-Copa do Nordeste 2018 (cujo mata-mata de seleção deverá ocorrer ainda neste ano, possivelmente no final do mês) contra o Náutico.
  2. No sábado, às 16:30, tem Santa x Guarani, no Arruda.

Enquanto isso, nas entrevistas, Eutrópio justificará as fracas atuações devido ao calendário de jogos seguidos…..

Vencendo, tudo bem.

 

 

 

 

 

Regras de moderação do Torcedor Coral
O Torcedor Coral não se responsabiliza pelas opiniões de seus leitores, mas se reserva ao direitor de excluir, sem aviso prévio, os comentários que:
1. Façam acusações sem provas;
2. Configurem qualquer tipo de crime, de acordo com as leis do país;
3. Contenham ofensas pessoais a quem quer que seja, mesmo que o ofendido seja reconhecidamente um canalha;
4. Defendam ou enalteçam o LEF, pois nós somos liberais, mas nem tanto assim;
5. Utilizem e-mails falsos ou inexistentes;
6. Tenham características de chat ou bate-papo;
7. Copiem textos publicados em outros espaços virtuais, ao invés de publicarem os links das matérias originais.
8. Publiquem sistematicamente os mesmos comentários, repetições de ideias ou opiniões;
9. Publiquem comentários com prevalência em caixa alta, que é o mesmo que gritar na internet;
10. Manifestem intolerância à liberdade de opinião;
11. Tenham características de perseguição a outros leitores;
12. Manifestem, implícita ou explicitamente, mensagens eleitorais, tanto de candidatos a cargos no clube, quanto de partidos políticos;
13. Contenham mensagens abusivas, desagradáveis, ostensivas, cansativas e que não se utilizem de bom senso.

Algumas palavras estão programadas para cair automaticamente na moderação de modo a facilitar o cumprimento das regras. Assim, seu comentário será liberado o mais rápido possível, se for constatado que não houve violação.

O sistema anti-spam do Torcedor Coral, utilizado para evitar malwares ou vírus, ocasionalmente poderá reter indevidamente um comentário legítimo. Também poderão ser retidos indevidamente os comentários que contenham dois ou mais links, pois são através deles que ocorrem ataques ao blog. Tão logo esses casos sejam identificados, os comentários serão liberados.

Lembre-se, o trabalho no Torcedor Coral é realizado de forma voluntária por cada um dos editores, cronistas, moderadores e colaboradores, já que todos atuam profissionalmente em outras áreas. Dessa forma, tenha paciência, caso seu comentário não seja liberado imediatamente.

Para comentar regularmente, o autor deve ter um comentário aprovado anteriormente no Torcedor Coral.

Os casos omissos serão definidos pelos editores do blog.

Responder

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *